Desde a última terça-feira, 13 de abril, os planos de saúde estão obrigados a autorizar de forma imediata as solicitações médicas de exame RT-PCR para diagnóstico de Covid-19.

 

A medida deve ser cumprida sempre que a solicitação atender às condições da cobertura obrigatória: casos de síndrome gripal e síndrome respiratória aguda grave (SRAG).

 

Os planos de saúde também são obrigados a cobrir testes sorológicos, que detectam a presença de anticorpos, para pacientes que apresentaram síndrome gripal ou SRAG e já tenham passado do oitavo dia dos sintomas, e crianças e adolescentes com quadro suspeito de síndrome multissistêmica inflamatória pós-infecção pelo SARS-CoV-2.

 

Outros seis exames que ajudam no diagnóstico da covid-19 também têm cobertura obrigatória prevista pela ANS: Dímero D (dosagem); Procalcitonina (dosagem); Pesquisa rápida para Influenza A e B e PCR em tempo real para os vírus Influenza A e B; Pesquisa rápida para Vírus Sincicial Respiratório e PCR em tempo real para Vírus Sincicial Respiratório.

 

 

 


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *